Portuguese Hymn C-D

Cantarei de Cristo


Cantarei de Jesus Cristo,
Que sofreu pra me salvar;
Ele sobre a cruz foi morto
Pra da pena me livrar.


Coro
Cantarei de Jesus Cristo,
Sua graça exaltarei;
Encontrou-me muito aflito,
E descanso nele achei.


Cantarei que Jesus Cristo
Com amor me resgatou;
Ele sobre a cruz foi morto;
Meus pecados apagou.


Cantarei de sua graça
Que rebelde me encontrou;
Com amor e piedade
Ele me regenerou.


Cantarei no céu a Cristo,
Bendirei seu grande amor;
Humilhou-se pra salvar-me;
Louvarei com zelo e ardor.

 


Castelo forte


Castelo forte é nosso Deus,
Espada e bom escudo;
Com seu poder defende os seus
Em todo transe agudo.
Com fúria pertinaz
Persegue Satanás,
Com artimanhas tais,
E astúcias tão cruéis,
Que iguais não há na terra.


A nossa força nada faz;
Estamos, sim, perdidos;
Mas nosso Deus socorro traz
E somos protegidos,
Defende-nos Jesus,
O que venceu na cruz,
Senhor dos altos céus;
E, sendo o próprio Deus,
Triunfa na batalha.


Se nos quisessem devorar
Demônios não contados,
Não nos podiam assustar,
Nem somos derrotados.
O grande acusador
Dos servos do Senhor
Já condenado está;
Vencido, cairá
Por uma só palavra.


Sim, que a palavra ficará,
Sabemos com certeza,
E nada nos assustará
Com Cristo por defesa.
Se temos de perder
Os filhos, bens, mulher,
Embora a vida vá,
Pos nós Jesus está,
E dar-nos-á seu reino.

 


Chuvas de Bênçãos


Chuvas de bênçãos teremos
Pelas promessas de Deus;
Tempos benditos trazendo
Chuvas de bênçãos dos céus.


Coro
Chuvas de bênçãos,
Chuvas de bênçãos dos céus!
Tantas nós já recebemos,
Outras rogamos a Deus!


Chuvas de bênçãos teremos,
Que do Senhor nos virão.
Os pecadores indignos
Graças dos céus obterão.


Chuvas de bênçãos teremos,
Manda-nos, pois, ó Senhor.
Dá-nos o gozo dos frutos
Dos teus ensinos de amor!


Chuvas de bênçãos teremos,
Chuvas mandadas dos céus,
Bênçãos a todos os crentes,
Bênçãos do nosso bom Deus.