Portuguese Hymn Q-Z

Que Maravilha Seu Amor


E pode ser que eu deveria ganhar Um interesse no sangue do Salvador?
Morreu Ele para mim que causou sua dor! Para mim, que levaram à morte perseguido?
Maravilhoso amor! Como pode ser isso Tu, meu Deus, morrer por mim?


Coro
Maravilhoso amor! Como pode ser Que Tu, meu Deus, deve morrer por mim!
Maravilhoso amor! Como pode ser Que Tu, meu Deus, deve morrer por mim!


Ele deixou o trono do Pai acima, Tão livre, tão infinita a Sua graça!
Esvaziou-se de tudo, mas o amor, E sangrou por raça indefesa de Adão.
‘Tis mercê de tudo, imenso e livre, Para Ó meu Deus, ele descobriu que eu!


Longo meu espírito preso deitado, Rápido ligado no pecado e noite da natureza;
O teu olho difundido um raio vivificante; Eu acordei, o calabouço flambado com luz;
Meus correntes caíram, meu coração estava livre, Levantei-me, saíram, e te seguimos.


Sem condenação agora eu temo; Jesus, e tudo nele, é meu;
Vivo nele, minha cabeça viva, E vestido com a justiça divina,
Negrito me aproximo do trono eterno, E reivindicar a coroa, por meio de Cristo a minha própria

 


Que toda carne mortal mantenha silêncio


1.Que toda a carne mortal mantenha silêncio,E com medo e temor;
Não ponderes coisas terrenas, Porque com bênçãos em suas mãos,
Cristo nosso Deus, à terra desceu, Nossa completa homenagem,demanda.


2. Rei dos reis nascido de Maria, Para vida terrena Ele se levantou,
Senhor dos senhores em veste humana,Na carne e no sangue;
Ele dará a todos os que crerem,A si mesmo como alimento celestial.


3. Junto ao exército dos céus, Estende Sua vanguarda no caminho,
Assim como a Luz das luzes desceu, Do domínio da eternidade,
Vem para vencer os poderes do inferno, Enquanto as trevas purifica.


4. A Seus pés serafins com seis asas, Querubins que incansáveis,
Cobrem seus rosto diante da Sua presença, Clamando com voz incessante,
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Senhor Altíssimo!

 


Rocha Eterna


Rocha eterna, meu Jesus,
Quero em ti me refugiar!
O teu sangue, lá na cruz,
Derramado em meu lugar,
Traz as bênçãos do perdão:
Gozo, paz e salvação.


Não por obras nem penar,
Plena paz terei aqui.
Só tu podes consolar,
Há perdão somente em ti.
Rocha eterna, só na cruz
Eu confio, ó meu Jesus!


Quando o derradeiro olhar
A este mundo aqui volver
E no Trono eu te encontrar,
Teu chamado a responder;
Rocha eterna, espero ali
Abrigar-me, salvo, em ti! Amém.